“Cada vez há menos bebés a nascer como merecem”

/, Parto/“Cada vez há menos bebés a nascer como merecem”

“Cada vez há menos bebés a nascer como merecem”

 

“É preciso respeitar a essência do nascimento”, defende Sandra Oliveira, mãe, doula e autora do livro “Nascer Saudável” (Edições Chá das Cinco). Há muito por mudar na saúde materna em Portugal, começando pela vivência da gravidez e parto de forma mais consciente e informada. “Nascer Saudável ” foi escrito para responder a essa necessidade.

Disse numa entrevista recente que as mulheres portuguesas têm andado a ser enganadas no parto. Porquê?

Sandra Oliveira: Talvez seja mais fácil entenderem-me se responder com uma pergunta. Imagine-se a recorrer a um profissional de saúde por uma situação patológica. É supostamente tratado com muitas intervenções, algumas bem dolorosas e penosas, que lhe deixam marcas físicas e psicológicas. Depois de “tratado”, vem a descobrir que afinal existiam cuidados bem menos interventivos, que são recomendados e estão fundamentados há mais de 30 anos. Como se sentiria? Agora neste cenário de imaginação realista, imagine que afinal nem havia doença nenhuma, e que
o que estava em causa era uma mulher grávida e tanto ela como o bebé eram saudáveis.

Enganadas, é a palavra que me ocorre.

Leia aqui a entrevista publicada na revista Pais & Filhos de Agosto de 2017.

By | 2017-10-15T17:37:15+00:00 Outubro 15th, 2017|Gravidez, Parto|Comentários fechados em “Cada vez há menos bebés a nascer como merecem”